Extreme Makeover Blog Edition

terça-feira, 30 de julho de 2013

Bem, como já devem ter reparado as coisas mudaram um bocadinho por aqui! Quando comecei nas andanças dos blogs não me esforcei muito com o layout do blog, mas achei que a gama de escolhas do Blogger era muito limitativa e não sendo uma pessoa super criativa, já sabia que não me ia safar bem sozinha.

Então, a título temporário, procurei por um template à borla que fosse minimamente apelativo e encontrei aquele que tinha anteriormente. Mas depois comecei a achar que era muito "cutxi cutxi" e que não era bem "a minha cara" (adoro esta expressão!ahaha) e quando comecei a enjoar tanta bonecada e cor de rosas e etcs lá me decidi a mudar!

Foi aí que fui passear ao Etsy e descobri uma panóplia de templates muito mais adequados aos meus gostos e super acessíveis! E escolhi este...adaptei-o um bocadinho e tchanannnnaaannn!!! Muito provavelmente ainda vai ser alvo de algumas alterações pontuais, mas a base já cá está. 
Eu gosto muito! E vocês que acham do novo look?


Das coisas chocantes

segunda-feira, 29 de julho de 2013

Hoje é segunda-feira e não queria começar a semana a falar de temas deprimentes ou chocantes, mas deparei-me com esta notícia e não podia deixar de a partilhar. 

Existe muita coisa no mundo que me choca, mas da lista dos problemas humanitários que mais me revoltam, acho que aqueles onde as crianças são as principais vítimas são aqueles que estão no topo da minha lista. Falo de violações, prostituição, maus tratos, trabalho forçado e escravidão, violação de direitos humanos em geral.

Nesta notícia, tive conhecimento deste vídeo no Youtube, publicado pela Nada al-Ahdal, uma criança de 11 anos, onde denunciava a tentativa da sua família de a querer "vender" num casamento forçado.




A menina do Iémen diz no vídeo que a união forçada era mesmo "criminosa", que ela não era a única criança vítima destas situações e que preferia morrer a ter de se casar nestas circunstâncias. Esse casamento significaria, tão simplesmente, que estaria casada aos 11 anos com alguém que não conhece e não ama, provavelmente muito mais velho que ela e que acabaria refém na sua própria casa, sem acesso à educação e à vida em geral, com excepção daquilo que o seu marido lhe permitisse aceder. 
Coisas tão simples como um vídeo no Youtube ou o simples acesso à internet, tornar-se-iam realidades distantes para esta criança caso, efectivamente, se tivesse casado. Já para não falar que a sua infância acabaria ali e seria forçada a viver com uma realidade demasiado adulta para a sua idade: casamento, vida sexual, filhos, etc. Porém, e felizmente, o tio opôs-se à união e acolheu a sobrinha, ajudando-a a fugir dos pais. A menina denuncia, particularmente, a sua mãe, acusando-a de a querer "vender".

Fazendo minhas as palavras desta declaração conjunta da ONU sobre os direitos das crianças que denuncia este tipo de práticas, só tenho a dizer que é demasiado revoltante e sinto-me impotente, o que me revolta ainda mais. Leiam:

«Todo ano, cerca de 10 milhões de meninas são casadas antes de completar 18 anos de idade. No mais terrível destes casos, as meninas muito jovens, como as de oito anos de idade, estão sendo casadas com homens que podem ser três ou quatro vezes mais velhos.
O casamento infantil atravessa países, culturas, religiões e etnias; 46% das meninas menores de 18 anos são casadas no Sul da Ásia; 38% na África Subsaariana; 29% na América Latina e no Caribe; 18% no Oriente Médio e no Norte da África; e em algumas comunidades na Europa e na América do Norte também.
O casamento de crianças é uma violação de todos os direitos da criança. Ele força as crianças, especialmente as meninas, a assumir responsabilidades para as quais elas não estão muitas vezes física e psicologicamente preparadas.
As meninas que são forçadas a casar enfrentam uma vida de violência no lar, onde são física e sexualmente abusadas, sofrem tratamento desumano e degradante e, finalmente, a escravidão.
Casamentos precoces também impactam o direito das meninas à educação, à saúde e à participação nas decisões que as afetam. As meninas que se casam cedo muitas vezes abandonam a escola, reduzindo significativamente a sua capacidade de adquirir habilidades e conhecimentos para tomar decisões informadas e obter renda. Um obstáculo para as meninas e para o empoderamento das mulheres, essa realidade também dificulta a sua capacidade de se livrar da pobreza.
‘Crianças noivas’ são mais propensas a engravidar em uma idade precoce e, como resultado, enfrentam um maior risco de morte materna e lesões devido à atividade sexual precoce e à gravidez.»
Vejam o artigo completo aqui. Excerto retirado da Declaração conjunta emitida pelo Comitê das Nações Unidas sobre os Direitos da Criança; pelo Comité das Nações Unidas sobre a Eliminação da Discriminação contra a Mulher; pelo Representante Especial do Secretário-Geral sobre a violência contra as crianças; pelo Relator Especial da ONU sobre venda de crianças, prostituição infantil e pornografia infantil; pelo Relator Especial da ONU sobre formas contemporâneas de escravidão, incluindo suas causas e consequências; pelo Relator Especial da ONU sobre a violência contra as mulheres; pelo Relator Especial da ONU sobre o tráfico de pessoas, especialmente mulheres e crianças; e pelo Grupo de Trabalho da ONU sobre Discriminação contra as Mulheres em Direito e na Prática.
Alguns chamam a isto casamento, outros - como eu - chamam pedofilia e abuso de menores. "Casar" uma criança de 11 anos não tem dignidade nenhuma, é um acto de violência gravíssimo para a liberdade pessoal de cada individuo. É pedofilia, porque "casar" uma criança de 11 anos com um velho é pedofilia...mais nada! É uma ofensa apelidar um acto destes de casamento, quando o casamento pressupõe amor e liberdade, duas componentes essenciais e que falham, por completo, em uniões deste género. É uma união forçada, onde a criança é obrigada a aceitar um destino e uma realidade que não escolheu, nem nunca escolheria. É uma união que obriga meninas a tornarem-se adultas muito cedo e em pouco tempo. É um choque emocional que, certamente, deixa marcas permanentes e irreversíveis no corpo e na mente destas crianças. Não só perdem toda a sua liberdade, como ainda se tornam escravas dos seus maridos, em todos os sentidos. Eles, pelo contrário, "ganham" alguém em quem "mandar", sendo que, geralmente, têm mais do que uma mulher para fazer o que bem entenderem.

Não admira que muitas mulheres prefiram a morte a uma situação destas. De facto, há coisas bem piores que a morte e eu se tivesse a infelicidade de nascer num país destes, onde os direitos humanos são violados todos os dias, com principal enfoque nas mulheres, acho que preferia matar-me caso, claro, não conseguisse fugir. Que nojo! Que revolta!

Há dias assim...

domingo, 28 de julho de 2013


Há dias que simplesmente não apetece sair da cama!

ImageSource:Pinterest

O nome do Príncipe

quinta-feira, 25 de julho de 2013

By the way...descobri agora que o puto real já tem nome....George Alexander Louis! Me-do! Podiam ter-se ficado pelo Alexander que já estava bom, mas gente da realeza é assim! Nao lhes basta um nome e acabam por estragar tudo. Mas pronto, pelo que percebi a maioria da populaça já apostava no nome George...parabéns gente desocupada...ganharam a aposta! yupiii!!!


Epah...que lindo o George! Parece mesmo feliz com o nome que lhe deram!

Quando o menos é mais!

quinta-feira, 25 de julho de 2013

Eu prometi a mim mesma que não ia dar tempo de antena ao bébé real aqui no blog porque, convenhamos, é mais um bébé no mundo. Pelo que vi da foto é igual a outros milhares que nasceram nos últimos dias e se não fosse aquela polícia toda na maternidade, bem que podia ser trocado por outro qualquer que nem se dava pela diferença (a não ser que o trocassem por um bébé preto...aí talvez as coisas dessem para o torto para o lado da Kate...wtv!).

Bem, mas ontem vi a foto dos recém-pais (recuso-me a usar diminutivos imbecis) à porta da maternidade onde vinham com uma vestimenta por muitos apelidada de "demasiado simples".





Primeiro não sei o que é que esta gente esperava que ela trouxesse vestido um dia depois de dar à luz um bébé com quase 4kg...talvez um vestido bodycon estilo Kim Kardashian e uns pumps de 15 cm! Eu cá adorei o vestido...é amoroso e fica-lhe bem! O cabelo dela está impecável (se fosse eu provavelmente não estaria assim) e é de aplaudir que a mulher tenha vindo mostrar ao mundo que a barriga de grávida não vai imediata e automaticamente ao seu devido lugar mal a criança salta cá pra fora (excepto no caso da Heidi Klum, mas essa pronto...plásticas e afins, não conta!).

Acho que, pela primeira vez na vida, aplaudi mentalmente a Kate. Até agora sempre fui um bocado indiferente ao que ela fazia, dizia ou vestia. Mas desta vez é de bater palminhas à mulher, por mostrar ao mundo que depois de se parir um puto o corpo demora o seu tempo a ficar como era (se é que algum dia fica...riscos de se ter filhos) e que não se deve ter vergonha de mostrar o corpo depois do parto. Por isso, para quem dizia que eles iam muito simples...calem-se que só dizem é merda! Ele pronto...ninguém liga! Estava tudo ali para a ver a ela e ao bébé...o William até podia ir de fato de treino que ninguém queria saber. Adorei o vestido e agora também a adoro a ela. Kate...és uma fofa! Continua assim girl! Felicidades!

Michelle Williams for LV

quinta-feira, 25 de julho de 2013


Chique e sofisticada é como eu descreveria a Michelle Williams neste anúncio da Louis Vuitton. E a nova W Bag da LV também não lhe fica atrás...não me importava nada de a ter!

Source: TheTrendDiaries

Já nem sei o que dizer...

quarta-feira, 24 de julho de 2013

Primeiro trazem aquela mulher suspeita por gestão danosa no caso dos swaps para Ministra das Finanças, agora é o gajo que exerceu funções de topo no BPN e no BPP para Ministro dos Negócios Estrangeiros.

Estamos muito bem entregues...sim sra!


Vejam a notícia aqui.

É assim...

segunda-feira, 22 de julho de 2013

Se a Snooki perdeu este peso todo...eu também consigo!

Source: here

Agora se isto é tudo dieta, exercício e força de vontade ou se tem algumas operações plásticas à mistura, é que já não sei. Mas pronto, a mulher lá conseguiu inspirar alguém pela primeira vez na vida. Palminhas para ela!

O problema do mundo

sábado, 20 de julho de 2013


Não diria melhor!

Falsas declarações de amor

sábado, 20 de julho de 2013

Eu sei que não é de hoje, mas estas boysband e adolescentes pseudo-cantores que conseguem meter multidões de pitas malucas aos gritos mais depressa do que conseguem fazer crescer a barba, irritam-me profundamente quando se põem com as falsas declarações de amor pelas fãs só para venderem mais!

Desta vez estou a falar dos One Direction. Para quem não conhece, pode ir inspeccionar a coisa porque abriu no Colombo uma loja ou wtv só para eles. (WTF? Mas porque raio? Fiquei em choque quando vi aquilo, mas pronto). Não entrei, mas vi que aquilo está forrado com fotos da banda e vende produtos oficiais. ME-DO!

Apesar de não serem péssimos como o JB, não são o meu cup of tea! Não sou anti-pop, mas as músicas deles não me dizem nada. Mas o que me irrita mais é que esta gente fala com os fãs como se fossem atrasados mentais (talvez até sejam).

Quando um destes gajos se vira para uma miudinha e lhe diz "oh, you`re beautiful, i love you baby!"...quer dizer...ele não a ama! Só quer que a pita continue a gastar dinheiro desenfreadamente com as coisas que ele vende. Ou quando diz "I love you all...I dream with you everyday!"....BULLSHIT! Mas há quem acredite! Enfim...eu sei que não são só eles que fazem isto, mas irrita-me!

Mas esta "graxa" amorosa que eles fazem às fãs ultrapassou todos os níveis do ridículo quando vi isto no Pinterest:


Errr.....o que dizer a isto?


Pronto...eis a minha resposta!
Além disso, um deles chegou a admitir que se não tivesse ganho o X-factor, hoje ainda era virgem. Está tudo dito...! 

Forever in Love With...

sábado, 20 de julho de 2013

ELIE SAAB!
O meu estilista favorito de todo o sempre, o homem nunca me desilude! A colecção de Inverno 2013/2014, para quem ainda não conhece, é linda e eu dava um rim para ter qualquer um destes vestidos!





























Lindos, lindos, lindos, como sempre!!! Estou apaixonada!

Inspiration

sexta-feira, 19 de julho de 2013



Bom fim-de-semana :)

Source: CublicleRefugee

Boas notícias!!! (Ou não!)

quinta-feira, 18 de julho de 2013

Boas notícias para todas as gajas portuguesas!!! Já abriu a 1ª Loja da marca de lingerie e afins Victoria Secret`s em Portugal! As coisas deles são super giras, a bom preço e com boa qualidade! É de longe a minha marca favorita de lingerie!



Sempre que fui aos EUA trouxe imensa roupa interior e outras coisinhas fixes e boas que eles vendem por lá e sempre pensei que andavam a perder muita clientela por não abrirem em Portugal. Ora, decidiram abrir a primeira loja da marca na Península Ibérica em Portugal (suck it Espanha!) e mais concretamente em Lisboa! YEEEEEEE!!



A má notícia é que abriu no aeroporto da Portela (nas partidas do Terminal 1)...por isso, só quem vá de viagem é que pode ir lá fazer comprinhas! Enfim...pode ser que se decidam a ser decentes e a abrir uma loja num centro comercial normal para os comuns dos mortais puderem ir lá gastar o euro! Até lá temos de nos contentar com esta!

Se quiserem ver a notícia inteira, carreguem aqui.

Because of You

quarta-feira, 17 de julho de 2013


The New Basics

quarta-feira, 17 de julho de 2013

Todas as mulheres já devem ter ouvido falar da Basic List que devemos ter no nosso armário. Ora, a Olivia Palermo reinventou esta lista e deu-nos a conhecer o que, para ela, são os novos básicos que qualquer mulher deve ter no seu armário. Ora vejam:


1) The New-Tshirt: «Polished enough for the office, yet chic enough for cocktails, the embellished white tee adds a bit of unexpected luxe to an otherwise casual basic. This new essential is exactly right for those moments when a plain white tee just won’t cut it. Styling tip: let this tee be it’s own accessory- keep jewelry minimal, adding only astatement ring or bracelet



2) The New Blouse: «Look for lace accents, texture, and statement-making embellished details in this baisic-with-a-twist. Because the classic shape remains the same, the new blouse seamlessly replaces the ordinary button-down. Pair with anything and everything – the unexpected details are what take an ordinary black pant/white blouse combo from ordinary to extraordinary.»




3) The New Pant: «The tuxedo pant earns its staple status for being the wardrobe clutch item. Ultra flattering, this borrowed-from-the-boys cut is destined t0 be your go-to item.  For evening look that’s beyond chic, pair with a coordinatingjacket (buttoned and sans top underneath, or over a white oxford, buttoned to the collar) and statement heels,   Worn with sleek sneakers and asweater, and the look is polished yet casual weekend-ready



4) The New Leather Look: «An update to the been-there-worn-that leather mini, the new leather skirt gets upgraded to statment status with a lower hemline, color, exaggerated proportions, and wrapped shapes.  Exaggerated shapes are balanced perfectly with a cropped top (for a high-waisted skirt only), or a tucked in silk t-shirt and ankle boots.  Pair luxe, textured leather with a sumptuous cashmere sweater – the mix of textures add interest for a look that’s full on luxe.  Go for edginess with a sheer, silk topworn with a leather wrap-»



5) The New Shift: «Always a wardrobe staple, the shift dress is fresher with geometric prints, texture, and metallic jacquard .  Add heels, a jeweled clutch and astatement necklace for a night out, while paired with ankle boots and a jacket that hits at the hip is office appropriate. For Saturday errands or lunch with the girls, toss on a leather jacket and ballet flats



6) The New Vest: «Perhaps the most updated basic, the vest has come a long way since the three-piece suit-esque version. The new vest takes on more than one silhouette; military versions are the perfect accompaniment to just about all shapes of denim – flare, skinny, and even shorts. When done as a sleeve-less blazer, it becomes office appropriate – look for leather accents for more edgy appeal. The fur vest is the perfect way to add a bit of luxe – paired with anything from leather skinnies or jackets to effortlessly tossed over ablazer, it adds that instant cool factor.»



7) The New Blazer: «No less formal than their lapel-ed counterparts, the collarless blazer has just enough un-structured structure to pair with just about everything from a flowing chiffon dress to skinny jeans. Leather and zipper details liven up basic black, bringing the rocker esthetic of a beloved leather jacket  into office -appropriate wear.  For those drawn to a more  minimalist esthetic, color-blocking adds interest and dimension, without taking away from the clean look.  No wardrobe would be complete without at least one tweed jacket.  Look for jewel and bead embellishments; they’re ultra versatile, going from the most casual jeans and t’s, to cocktail-ready chiffon dresseswith ease



8) The New Jacket: «Truly a seasonless must-have, the versitle, wear-with-anything cargo jacket has become the essential layering piece. Details like leather sleeves, precise tailoring, and menswear shapes, there’s a style and silhouette for everyone.  Add a fur vest over a leather-sleeved version for a triple-textured look that’s totally on-trend or take a beloved summer white dressinto fall by belting a menswear shirt-style jacket and adding booties.  Channel the urban safari and pair a sharply tailored silhouette withleather shorts and pointed toe pumps.»



9) The New Trench: «The ultimate in ‘throw-it-on-over-anything’ instant polishing, the new basic trench is anthing but. Cape tops, mixed textures, and unexpected materials  give the trench new life, adding that something extra – without taking away from its traditional bones.»



Os novos básicos que devemos ter no nosso armário, by Olivia Palermo. Não podia concordar mais! Se quiserem ver o site dela, carreguem aqui.

Source: Oliviapalermo.com - all the pictures and text.
Proudly designed by Mlekoshi pixel perfect web designs