Sexta-feira Santa

sexta-feira, 29 de março de 2013

Hoje é Sexta-Feira Santa e como todos os anos, o homem questionou-me do porquê de não se comer carne neste dia. Para ele, um assumido ateu, é completamente ridículo que católicos como eu, nos abstenhamos de comer carne na sexta-feira santa.

A sexta-feira santa é dia em que os religiosos recordam o julgamento, paixão, crucificação, morte e sepultura de Jesus Cristo. Foi nesta data - apesar de ser um feriado móvel - que Jesus Cristo morreu. É o primeiro dia da Páscoa que antecede a ressurreição do Senhor (que são três dias, daí a Páscoa ser a um Domingo e ser um dia de celebração). 

A abstinência em relação à carne é uma forma de os religiosos se penitenciarem em respeito pela morte de Jesus que morreu por nós. É uma questão de respeito pelo sofrimento que Jesus Cristo teve de passar para nos salvar. Para quem seja crente, isto faz todo o sentido, mas para quem não acredite é normal que seja totalmente ridículo que não se coma carne.

Eu não sou nenhuma fanática religiosa, mas respeito esta data. Talvez por influência da minha família  ou não, é uma data em que me sentiria mal se, eventualmente, comesse carne. Por isso opto por não o fazer e abstenho-me.
Mas claro que não chego ao exagero de, como alguns, se absterem de qualquer tipo de prazer, como ouvir música ou ver televisão. Mal seria, senão nem estaria a escrever este post.

A crucificação de Cristo

Sem comentários:

Proudly designed by Mlekoshi pixel perfect web designs